Somatropina

O que é Somatropina?

A Somatropina, mais conhecida como GH, ou hormônio do crescimento, é um polipeptídio com altas características anabólicas, o que pode proporcionar, por exemplo, ganho de massa muscular.

Esse hormônio é produzido pela glândula pituitária que fica localizada na hipófise, parte do encéfalo que é popularmente chamado de cérebro.

Diversas pessoas pensam que a Somatropina é um esteroide, mas é importante deixar nítido que essa informação não é verdade, embora ele ajuda pessoas que querem atingir objetivos anabólicos, como ganho de massa muscular e resistência física.

Para que a Somatropina serve?

Seu nome descreve muito bem a sua função: crescimento. Quando falamos do crescimento relacionado à Somatropina, nos referimos sobretudo ao desenvolvimento do ser humano.

Nesse sentido, é fácil compreender que estamos falando das mudanças físicas e fisiológicas que ocorrem do período da infância até a idade adulta. Crescimento ósseo, aumento de órgãos e tecidos, mudanças estéticas e afins são bons exemplos dessas mudanças.

Para que todo este processo ocorra, o corpo produz e consome o hormônio do crescimento. Quando a pessoa atinge a idade adulta, ela passa a produzir Somatropina em menores quantidades, haja vista o menor uso do hormônio pelo corpo.

Mas, quando a pessoa entra na vida adulta, o crescimento cessa e ela só volta a ter alterações nas medidas na velhice. Como exemplo, podemos dizer que a Somatropina serve para o desenvolvimento físico e fisiológico do ser humano, principalmente no que diz respeito ao seu tamanho.

No meio dos frequentadores de academia e fisiculturistas, a substância ajuda no desenvolvimento muscular e proporciona maior disposição física para os treinos.

Somatropina funciona?

Há diversos estudos que apontam resultados positivos do uso da Somatropina, principalmente nos casos em que a substância é utilizada com recomendação médica. Como já dissemos, a Somatropina é receitado por médicos para pessoas com problema de desenvolvimento físico ocasionados pela baixa síntese de GH.

Assim, nanismo e síndrome de Turner, por exemplo, são deficiências tratadas com a injeção de somatropina na corrente sanguínea. Para estes casos, a Somatropina funciona e é, inclusive, recomendada pelos médicos.

Entretanto, não podemos desconsiderar todos os efeitos adversos e a necessidade de acompanhamento médico que ela exige.

Sobre seus efeitos anabólicos na musculação, muitos usuários têm relatado seus resultados com o uso da substância, como aumento dos músculos e da resistência física.

Para quem a Somatropina é indicada?

Sintética, que é vendida legalmente no Brasil, só pode ser obtida com receita médica para os problemas que exigem seu uso. Basicamente, qualquer médico pode receitar esse medicamente, mas é de praxe que endocrinologistas o façam para as crianças com necessidades de GH.

Todavia, há, ainda, fisiculturistas, atletas profissionais e até mesmo pessoas comuns que fazem o uso do hormônio do crescimento sintético. Como o próprio nome diz, ele é um hormônio de crescimento e alguns especialistas acreditam que possa auxiliar no desenvolvimento corporal de atletas.

Como tomar Somatropina?

Na maioria das vezes, este hormônio é injetada diretamente na corrente sanguínea de quem irá utilizá-la, por meio de uma aplicação subcutânea. Por ser, em teoria, algo que o corpo humano produz em condições naturais, ela é muita bem-vinda em algumas ocasiões.

Nessa lógica, basta pensar em uma pessoa (geralmente crianças e adolescentes) com problemas de crescimento relacionados a baixa síntese de GH. Neste caso, é preciso aplicar uma quantidade de deste hormônio para manter os níveis de crescimento normal, até que atinja a fase adulta.

Quando a pessoa possui as regiões epifisárias completas, que são as partes superiores e inferiores dos ossos longos, esse efeito já não pode mais ocorrer. Esse estágio é alcançado na vida adulta e, por isso, não é recomendado que adultos utilizem o GH.

Não obstante, devido aos exercícios físicos que levam atletas ao extremo, existem benefícios que podem ser conquistados pela suplementação da Somatropina, como crescimento muscular e perda de gordura.

Existem pessoas que tomam o suplemento por via oral. Mas, quando isso ocorre, não há um ganho real pelo consumo da Somatropina se a pessoa não possui necessidades fisiológicas dela.

De modo simples, essa pessoa está ingerindo proteína que será tratada exatamente como proteína pelo corpo. Consequentemente, essas proteínas serão quebradas em diversas reações químicas que ocorrem organismo o até que se tornem aminoácidos para produção de mais proteínas.

O excesso de proteínas no corpo é conhecido pela expressão “urina de ouro” entre os “ratos” de academia. Esse nome é decorrência do que ocorre com a quantidade exacerbada de proteínas na corrente sanguínea, que são eliminadas na urina.

Tal fala é algo comum quando o assunto é consumo exacerbado de Whey Protein, por exemplo.

Quais os efeitos colaterais da Somatropina?

Existem muitos efeitos colaterais associados ao uso da Somatropina, principalmente quando usada de maneira indevida, ou seja, em pessoas saudáveis, adultas e sem indicação médica.

São efeitos colaterais da Somatropina:

  • Aumento da pressão arterial (hipertensão);
  • Impotência sexual;
  • Retenção de líquidos;
  • Ganho de peso;
  • Intolerância à Glicose (Diabetes tipo II);
  • Disfunções da glândula tireóide;
  • Acromegalias (crescimento exagerado de tecidos);
  • Crescimento excessivo de cartilagens, como do nariz e etc.

Além dos efeitos apresentados, existem outros que podem ocorrer, mas em uma escala muito menor.

Quais as vantagens de usar a Somatropina?

Tendo em consideração o uso médico não há o que discutir: o uso da Somatropina é extremamente vantajoso para o tratamento de doenças associadas à deficiência do hormônio do crescimento no organismo.

Para fins estéticos e anabólicos, apesar das controvérsias existentes, pode-se considerar as seguintes vantagens:

  • Diminuição das reservas de gordura;
  • Melhora na construção de massa muscular;
  • Antienvelhecimento;
  • Aumento da densidade óssea.

Além disso, a Somatropina é capaz de inibir a lipogênese, que é como é chamada a produção de gordura pelo corpo.

Em outras palavras, a Somatropina auxilia no emagrecimento, pois promove a quebra de gordura acumulada de maneira mais rápida, já que evita que mais dessa gordura seja sintetizada — até certo ponto.

Por estimular a divisão e criação de novas células, que são a base de todos os tecidos, inclusive o muscular, pode haver um ganho de massa muscular maior e mais rápido. Quando está treinando um músculo e o força ao limite, você o lesiona um pouco e é isso que faz ele “crescer” enquanto descansa.

Com a aceleração dessa regeneração, ocasionada pelo aumento na divisão celular (mitose), há uma recuperação mais rápida do tecido e isso possibilita que ele seja lesionado com maior antecedência e acabe, consequentemente, “crescendo”.

O aumento da densidade óssea se dá no mesmo sentido, é ocasionado pela multiplicação de osteócitos e osteoblastos, principalmente, que são células responsáveis pela construção e manutenção óssea.

Isso previne a osteoporose e há quem acredite que a Somatropina auxilia na fabricação de colágeno pelo corpo, o que é algo positivo para retardar a velhice.

Vale a pena usar Somatropina?

Se a Somatropina for utilizada de forma correta, sem excessos e por pessoas que não estão dentro das contraindicações do produto, vale a pena usar Somatropina. No entanto, recomenda-se sempre o uso com acompanhamento médico para que a suplementação com essa substância seja segura.

Onde comprar Somatropina?

A somatropina é encontrada em farmácias e só pode ser vendida com a apresentação de receita médica, pois, como dito, esse é seu maior motivo de uso.

Provavelmente, é possível encontrar pessoas vendendo a Somatropina de maneira ilegal, ou seja, sem que seja necessária a apresentação de receita médica. Nesses casos, é preciso ter muito cuidado, pois o produto exige uma conservação muito rígida e difícil de se fazer fora de um ambiente profissional.

Passando apenas 10 minutos fora de sua temperatura ideal, por exemplo, a Somatropina torna-se degradada e inutilizável.

Deixe um comentário