5-HTP: o que é, para que serve e onde comprar

5-htp

O 5-HTP (5-hidroxitriptofano) é um subproduto químico incrível utilizado no tratamento de diversos transtornos e doenças. Resumidamente, sua principal forma de agir é elevando a produção de serotonina no cérebro, um neurotransmissor responsável por sensações positivas.

Neste artigo, você vai poder conferir tudo o que precisa saber sobre essa substância, desde suas informações gerais, seus efeitos e até a dosagem adequada. Sem mais enrolação, vamos direto ao assunto, confira!

O que você vai ver neste artigo:

O que é 5-HTP?

O 5-HTP (5-hidroxitriptofano) é um subproduto químico do bloco de construção das proteínas L-triptofano. 

Ele também é produzido comercialmente a partir das sementes de uma planta africana conhecida como Griffonia simplicifolia 5-HTP. Além disso, ele é usado para os seguintes distúrbios:

  • Insônia
  • Depressão ansiedade
  • Enxaqueca e dores de cabeça do tipo tensional
  • Fibromialgia
  • Obesidade
  • Síndrome pré-menstrual (TPM)
  • Transtorno disfórico (PMDD)
  • Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)
  • Transtorno convulsivo 
  • Doença de Parkinson.

Como o 5-HTP funciona?

O 5-HTP atua no cérebro, mais especificamente no sistema nervoso central, aumentando a produção da serotonina química. 

A serotonina, por sua vez, é um neurotransmissor que pode afetar o sono, apetite, a temperatura, comportamento sexual e a sensação de dor. 

Por elevar a síntese de serotonina, o 5-HTP é usado em várias doenças nas quais se acredita que a serotonina desempenha um papel importante, como a depressão, insônia, obesidade e assim por diante.

Para que serve o 5-HTP?

Depressão

Algumas pesquisas clínicas mostram que tomar o 5-HTP por via oral melhora os sintomas de depressão. 

Somado a isso, vários estudos descobriram que doses de 150-3000 mg por dia, durante 2-4 semanas, podem melhorar os sintomas de depressão. 

Algumas pesquisas, ainda, mostram que o 5-HTP pode ser tão benéfico quanto a terapia antidepressiva convencional para algumas pessoas.

No entanto, é importante salientar que somente um profissional da saúde capacitado e com conhecimento sobre o seu quadro pode indicar o melhor tratamento para ele.

Síndrome de Down

Algumas pesquisas mostram que dar 5-HTP a bebês com síndrome de Down pode melhorar os músculos e a atividade. 

Outras apresentam que ele não melhora o músculo ou o desenvolvimento quando tomado desde a infância até os 3-4 anos de idade. 

Por fim, estudos também mostram que tomar o 5-HTP junto com medicamentos prescritos convencionais melhora o desenvolvimento, as habilidades sociais e as habilidades de linguagem.

Casos com evidências suficientes

Há diversos outros casos em que o 5-HTP possui evidências suficientes de eficácia, de acordo com diversos estudos e pesquisas. Nos próximos tópicos, você vai conferir em detalhes cada uma dessas condições e como ele pode ser benéfico. Confira!

Alcoolismo

Pesquisas anteriores mostram que tomar 5-HTP com D-fenilalanina e L-glutamina por 40 dias pode reduzir os sintomas de abstinência alcoólica. 

Porém, tomar 5-HTP com carbidopa diariamente por um ano não parece ajudar as pessoas a parar de beber. Não há evidências claras sobre o efeito do 5-HTP isolado no alcoolismo.

Doença de Alzheimer

Pesquisas anteriores sugerem que tomar 5-HTP por via oral não ajuda nos sintomas da doença de Alzheimer.

Ansiedade

As evidências sobre os efeitos do 5-HTP para ansiedade não são claras. Contudo, pesquisas anteriores mostram que tomar 25-150 mg de 5-HTP por via oral diariamente, juntamente com carbidopa, parece reduzir os sintomas de ansiedade. 

Por outro lado, também há pesquisas que afirmam que tomar doses mais altas de 5-HTP, como 225 mg por dia ou mais, tende a piorar a ansiedade. Ademais, tomar 60 mg de 5-HTP diariamente pela veia não reduz a ansiedade em pessoas com transtornos de pânico.

Distúrbio do sistema nervoso (ataxia cerebelar)

As evidências sobre o uso de 5-HTP para ataxia cerebelar não são claras. Dessa forma, há evidências iniciais que mostram que tomar 5 mg/kg de 5-HTP diariamente por 4 meses pode diminuir a disfunção do sistema nervoso. 

Entretanto, outras pesquisas mostram que tomar 5-HTP diariamente por até um ano não melhora os sintomas de ataxia cerebelar.

Fibromialgia

Pesquisas anteriores sugerem que tomar 100 mg de 5-HTP por via oral três vezes ao dia por 30 a 90 dias pode melhorar a dor, sensibilidade, sono, ansiedade, fadiga e rigidez matinal em pessoas com fibromialgia.

Sintomas da menopausa

Pesquisas anteriores sugerem que tomar 150 mg de 5-HTP diariamente por 4 semanas não reduz as ondas de calor em mulheres na pós-menopausa.

Dor de cabeça da enxaqueca

Não são claras as evidências sobre os efeitos do 5-HTP na prevenção ou tratamento de enxaquecas em adultos.

Alguns estudos mostram que tomar 5-HTP diariamente não reduz enxaquecas, enquanto outros mostram que pode ser tão benéfico quanto medicamentos prescritos. O 5-HTP não parece reduzir a enxaqueca em crianças.

Obesidade

Pesquisas anteriores sugerem que tomar 5-HTP pode ajudar a reduzir o apetite, a ingestão calórica e o peso em pessoas obesas. 

Outras pesquisas sugerem que o uso de um spray bucal específico contendo 5-HTP e outros extratos (5-HTP-Nat Exts, Medestea Biotech Spa, Torino, Itália) por 4 semanas aumenta a perda de gordura em cerca de 41% em mulheres com excesso de peso na pós-menopausa.

Mal de Parkinson

Pesquisas anteriores mostram que tomar 100-150 mg de 5-HTP por via oral diariamente com medicamentos convencionais parece reduzir a trepidação, mas esses benefícios continuam por até 5 meses. 

Tomar doses maiores de 5-HTP, 275-1500 mg por dia, juntamente com carbidopa, parece piorar os sintomas.

Esquizofrenia

Pesquisas anteriores sugerem que tomar 800 mg a 6 gramas de 5-HTP diariamente com carbidopa por 90 dias pode melhorar os sintomas de esquizofrenia em alguns jovens do gênero masculino.

Cefaleia tensional

Pesquisas anteriores sugerem que tomar 100 mg de 5-HTP três vezes ao dia por 8 semanas não reduz a dor ou a duração das dores de cabeça tensionais.

Sintomas de abstinência de heroína

Pesquisas anteriores sugerem que tomar 200 mg de 5-HTP diariamente por 6 dias, juntamente com tirosina, fosfatidilcolina e L-glutamina, pode reduzir a insônia e os sintomas de abstinência na recuperação de viciados em heroína.

Outros casos

O 5-HTP pode ser eficaz, ainda, nas seguintes condições: síndrome de Ramsay-Hunt, insônia, síndrome pré-menstrual (TPM), transtorno disfórico pré-menstrual (PMDD), transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) etc.

Como prevenir os efeitos colaterais do 5-HTP e tomá-lo com maior segurança?

O uso do 5-HTP de forma segura é possível ao tomá-lo por via oral adequadamente. Desse modo, ele tem sido utilizado com segurança em doses de até 400 mg por dia, por até um ano. 

No entanto, algumas pessoas que o tomaram desenvolveram uma condição chamada síndrome de eosinofilia-mialgia (EMS), uma condição grave que envolve extrema sensibilidade muscular (mialgia) e anormalidades no sangue (eosinofilia). 

Algumas pessoas pensam que o EMS pode ser causado por um ingrediente ou contaminante acidental em alguns produtos 5-HTP. 

Mas não há evidências científicas suficientes para saber se a síndrome é causada pelo 5-HTP, um contaminante ou algum outro fator. Logo, até que se saiba mais, o 5-HTP deve ser usado com cautela.

Outros efeitos colaterais potenciais do 5-HTP incluem azia, dor de estômago, náusea, vômito, diarréia, sonolência, problemas sexuais e problemas musculares.

Em acréscimo, o 5-HTP pode ser inseguro quando tomado por via oral em grandes doses. Prova disso é que doses de 6 a 10 gramas por dia têm sido associadas a problemas estomacais graves e espasmos musculares.

Precauções e avisos especiais ao utilizar o 5-HTP

Uso por crianças

O 5-HTP é possivelmente seguro quando administrado por via oral. Doses de até 5 mg/kg por dia têm sido usadas com segurança por até 3 anos em bebês e crianças de até 12 anos de idade. 

Assim como nos adultos, existe também uma preocupação com o potencial da síndrome de eosinofilia-mialgia (EMS) em crianças, uma condição grave que envolve extrema sensibilidade muscular (mialgia) e anormalidades no sangue (eosinofilia).

Uso durante a gravidez e aleitamento 

Não há informações confiáveis o ​​suficiente sobre a segurança de tomar o 5-HTP se estiver grávida ou amamentando. Mantenha-se seguro e evite o uso.

Uso no pré-operatório

O 5-HTP pode afetar uma substância química do cérebro chamada serotonina e alguns medicamentos administrados durante a cirurgia também podem afetar a serotonina. 

Assim, tomar o 5-HTP antes da cirurgia pode ocasionar em um excesso de serotonina no cérebro, o que pode levar a efeitos colaterais graves como problemas cardíacos, tremores e ansiedade. 

Diga aos pacientes para parar de tomar 5-HTP pelo menos 2 semanas antes da cirurgia.

Interações do 5-HTP com outros medicamentos

Principais interações

Posso tomar triptofano com antidepressivos?

Alguns medicamentos para depressão podem interagir com o 5-HTP, assim como outras substâncias que contenham o triptofano, por aumentarem uma substância química do cérebro chamada serotonina. 

Ao tomar o 5-HTP junto desses medicamentos, pode elevar muito a quantidade de tal neurotransmissor e causar efeitos colaterais graves, incluindo problemas cardíacos, tremores e ansiedade. Por isso, não tome 5-HTP se estiver tomando antidepressivos.

Alguns desses medicamentos para depressão incluem a fluoxetina (Prozac), paroxetina (Paxil), sertralina (Zoloft), amitriptilina (Elavil), clomipramina (Anafranil), imipramina (Tofranil) e outros.

Interações moderadas

Carbidopa (Lodosyn)

A carbidopa (Lodosyn) interage com o 5-HTP e pode afetar o cérebro e aumentar o risco de efeitos colaterais graves, como a fala rápida, ansiedade, agressividade e outros.

Dextrometorfano (Robitussin DM e outros)

Dextrometorfano (Robitussin DM e outros) interage com o 5-HTP e pode afetar uma substância química do cérebro chamada serotonina. 

Sendo assim, tomar 5-HTP junto com o dextrometorfano pode ocasionar em muita serotonina no cérebro. 

Consequentemente, pode haver a manifestação de efeitos colaterais graves, como problemas cardíacos, tremores e ansiedade.

Meperidina (Demerol)

Meperidina (Demerol) interage com o 5-HTP e pode afetar uma substância química do cérebro chamada serotonina. 

Sendo assim, tomar 5-HTP junto com a meperidina pode ocasionar em muita serotonina no cérebro. 

Consequentemente, pode haver a manifestação de efeitos colaterais graves, como problemas cardíacos, tremores e ansiedade.

Pentazocine (Talwin)

Pentazocine (Talwin) interage com o 5-HTP e pode afetar uma substância química do cérebro chamada serotonina. 

Sendo assim, tomar 5-HTP junto com o pentazocine pode ocasionar em muita serotonina no cérebro. 

Consequentemente, pode haver a manifestação de efeitos colaterais graves, como problemas cardíacos, tremores e ansiedade.

Tramadol (Ultram)

Tramadol (Ultram) interage com o 5-HTP e pode afetar uma substância química do cérebro chamada serotonina

Sendo assim, tomar 5-HTP junto com o tramadol pode ocasionar em muita serotonina no cérebro. 

Consequentemente, pode haver a manifestação de efeitos colaterais graves, como problemas cardíacos, tremores e ansiedade.

Como tomar 5-hidroxitriptofano?

As doses do 5-HTP variam entre 150-3000 mg por dia em até três doses divididas por 2-6 semanas, segundo estudos realizados. Elas também foram gradualmente aumentadas de 150 mg por dia durante 2 semanas até 400 mg por dia durante 4 semanas.

Cabe salientar, ainda, que a dose adequada pode variar de pessoa para pessoa e, portanto, só deve usar o 5-HTP após a indicação de um profissional da saúde capacitado.

Onde comprar o 5-HTP?

Na internet é possível encontrar muitas lojas e farmácias que vendem o 5-HTP de diversas marcas.

Mas é preciso ter muito cuidado ao comprar, pois algumas delas vendem o suplemento falsificado. 

Infelizmente, o produto não original compromete os resultados e ainda coloca a saúde em risco. Por isso, busque o 5-Hidroxitriptofano em e-commerces confiáveis, como a Importa Suplementos.

Do contrário, veja bem a procedência do produto para garantir algo original e com os benefícios que ele deve oferecer.

Agora, que tal compartilhar esse conteúdo e deixar um comentário aqui embaixo com a sua experiência sobre o uso de 5-HTP?